Você instalou a versão mais recente do Mackerelmedia Fish? Não, não o Macromedia Flash. Mackerelmedia Fish. O plugin piscine rich media, criado pela designer de jogos experimentais Nathalie Lawhead, usado em projetos como a ferramenta de hacking Haxatron 2000. Relíquia de uma época em que as mídias sociais não tinham comido a Internet, a estranheza amadora era a norma, e visitar um site pode envolver clicar em uma série interminável de telas de instalação misteriosas. O site ainda está online, mas se você clicar no link errado, poderá ser comido por uma pedra.

Lawhead, conhecida por projetos como Tetrageddon Games e Tudo vai ficar bem, explica um pouco mais sobre Mackerelmedia Fish no blog dela. É um jogo curto e surreal sobre arqueologia digital, perda e essa sensação de procurar um destino outrora animado que está caindo aos pedaços lentamente. A página é uma dose pura de nostalgia, mas do tipo que é mais melancólico do que reconfortante – como visitar sua antiga cidade natal e encontrar todas as vitrines de suas lojas fechadas.

Em vez de puramente simular software na veia de jogo antigo da internet Fora da lei hipnospacial, Mackerelmedia Fish é enquadrado pela prosa que quebra a quarta parede e uma história que combina uma área de trabalho “real” com convenções de jogos de aventura. Você fará parte do jogo em um diretório de páginas e fará amizade com um roedor que come links. “O ponto realmente é explorar uma história curta sobre a perda da história digital”, escreve Lawhead.

Você pode se divertir apenas clicando no site, mas, como observa Lawhead, existem alguns objetivos mecânicos claros – e vale a pena avançar na história também. Seu computador pode acabar com um novo amigo.



Fonte: www.theverge.com

Deixe um comentário

avatar